sábado, 29 de julho de 2017

Tutóia: falta governança e governabilidade?

Faço este post diante das muitas reclamações que o atual governo de Tutóia tem recebido nas redes sociais e em rodas de conversa por onde tenho passado nos últimos quatro meses, de bairro em bairro, de povoado em povoado. 

Não tenho a intenção de destratar o governo, apenas de emitir uma opinião. 

Por que em tão pouco tempo um governo "novo" ganhou tanta rejeição?

Por que um jovem genuinamente tutoiense é repudiado por grande parte do seu povo?

Perguntas como essas não somente eu as faço. Mas, também pouca gente ou quase ninguém sabe dizer uma resposta coerente. Eu não sei. 

Os dias de hoje estão mais difíceis de exercer a governança? Ou sempre foi assim? As pessoas é que estão mudando? 

Talvez.

Se pudesse arriscar, diria, a informação está sendo melhor e mais difundida entre as pessoas e estas estão se apropriando do poder da comunicação e/ou do direito de liberdade de expressão. 

Para o "filósofo grego Sócrates, governar é nada mais que uma aptidão pessoal, derivada do conhecimento técnico e da experiência. Platão, em seguida, preocuparia-se com os problemas políticos e sociais do desenvolvimento social e cultural do povo" (OLIVEIRA, Adriano). 

O ato de Governar, portanto, deveria derivar primeiro das opiniões e pedidos da sociedade, além da observância do princípio da legalidade e também dos demais previstos na constituição (impessoalidade, moralidade, eficiência, publicidade). 

Governar Tutóia, carece não somente compreender tais conceitos/princípios, mas saber ouvir, saber ponderar com a realidade local. Aliás, penso que todo e qualquer município seja assim. 

O governo, de fato, ainda não mostrou a que veio. Falta um plano estratégico de gestão (ou pelo menos não se conhece), falta, ao menos, o início de uma obra (escola, pavimentação etc) que dê marca ao governo [e não somente isso], precisa melhorar a gestão de pessoas e fazer com que  estas estejam alinhadas ao pensamento do governo (apenas uma opinião que pode sim ser contestada).

O governo não é feito de si só. Há o legislativo. E este também parece ser um mundo bem distante do mundo do executivo em Tutóia. Não falo de conchavos. 

Em resumo, parece que o governo ainda não se achou, apesar dos sete meses de gestão. Aguardemos, pois, por outros dias.

Conceitos:
Governabilidade diz respeito às condições de legalidade de um determinado governo para atentar às transformações necessárias.

Governança está relacionada à capacidade de colocar as condições da governabilidade em ação.
Autora: Amelia Hamze. Profª UNIFEB/CETEC e FISO - Barretos

Fica aqui o espaço para a contestação de qualquer departamento do governo.  











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Tutoiense nato, professor de Geografia da rede municipal e particular de ensino em Tutóia e Paulino Neves, Licenciado em Geografia pela UESPI e Pós Graduado em Educação Ambiental pelo IESF, Pós Graduado em Gestão Pública Municipal, UEMA, 2016. Este blog é um blog de reportagens de acontecimentos e também de publicação de imagens (fotos). Sou um apaixonado por fotos. Nascido em 1980. Fui presidente de Associação de Moradores do povoado Bezerro (Tutóia-MA). Atualmente estou presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Tutóia, Paulino Neves e Santana do MA. Milito em ações sociais nesses municípios.