Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

quinta-feira, 5 de março de 2015

Caso da escola Almeida Galhardo: parte do forro desabou

De acordo com informações uma parte do teto de uma sala da Escola Almeida Galhardo que já foi alvo de representações no Ministério Público e de reclamações populares voltou a ser o centro de atenções em Tutóia, com as fortes chuvas de hoje de manhã o forro não resistiu e cedeu.

Agora a pergunta é: como e porque essa água entrou?

A Escola é nova e passou por várias reformas. Será que fizeram só maquear. Cabe mais uma investigação, já que as aulas devem retornar (tardiamente) na próxima segunda-feira (09).

Bancada do Peixe emudeceu

bancada_peixeA chamada “Bancada do Peixe”, formada pelos deputados Júnior Verde (PRB), Fernando Furtado (PCdoB) e Edson Araújo (PSL), emudeceu, mesmo após a revelação de que uma quadrilha instalada no Sindicato dos Pescadores de Viana achacou trabalhadores da região para amealhar nada menos do que R$ 5 milhões do seguro defeso só em 2014.
Eleitos com o discurso de defensores dos pescadores, os três parlamentares não se pronunciaram sobre a gravidade do fato, que ganhou destaque em todo o estado desde as primeiras horas de ontem (4).
Segundo a polícia, a quadrilha cobrava “comissões” dos pescadores cadastrados no sindicato, sob ameaça de cancelamento do benefício – benefício que deveria ser pago a quem vive da pesca no período da piracema, quando a atividade é proibida – ou mesmo retenção das carteiras emitidas pela Secretária Especial de Aquicultura e Pesca, do Ministério da Pesca.
Se os três representam mesmo a categoria dos pescadores honestos, trabalhadores que vivem do pescado, devem se pronunciar sobre o assunto. E mais: acompanhar o caso de perto, atuando em defesa de quem foi cruelmente chantageado por criminosos.

Veja a lista dos 28 políticos citados por delator na Lava Jato

Crédito: infográfico de O Globo
Lava Jato
Lava Jato 2

É o cara: Com R$ 60 mil no bolso, Adriano Imperador vai para motel com 18 garotas

fonte: R7
Adriano Imperador
Adriano Imperador
Adriano Imperador voltou a causar polêmica. O atacante foi visto entrando em um motel no Rio de Janeiro na companhia de 18 garotas de programa.
Além do jogador, vários integrantes de um grupo de pagode estavam presentes na festinha privada.
O Imperador ainda carregava R$ 60 mil em dinheiro vivo no bolso para pagar as meninas. A informação é do jornal Extra!

Presidentes da Câmara e do Senado constam da lista da "Lava Jato"

Na tarde desta terça-feira, 3, chegou ao Supremo Tribunal Federal e ao Superior Tribunal de Justiça a lista de parlamentares que serão investigados na Operação Lava Jato, enviada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Foram encaminhados 28 pedidos de abertura de inquéritos e nesta sexta-feira, 6, o conteúdo se tornará oficialmente público.

Entre os investigados estão os presidentes da Câmara e do Senado, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Renan Calheiros (PMDB-AL), os dois foram informados que constam como relacionados na lista de Janot, como investigados na Lava Jato.

Os casos serão encaminhados ao ministro Teori Zavascki, relator das ações relativas ao esquema de corrupção na Petrobrás e o procurador-geral que pode oferecer denúncia diretamente, se achar que já há indícios suficientes de participação de políticos no esquema, ou solicitar o arquivamento do trecho da delação referente a algum nome.

O vice-presidente Michel Temer informou, por meio de sua assessoria, que não recebeu nenhum dos nomes da lista de parlamentares que serão investigados na Operação Lava Jato.

"Ninguém me comunicou de nada" disse Eduardo Cunha (PMDB-RJ) negando que tenha sido comunicado sobre a possível inclusão de seu nome da lista dos políticos envolvidos na Operação Lava Jato

Vereadores protocolam requerimento de instalação de CPI da Educação de Tutóia e até o presidente da Casa assinou o pedido

Câmara dos Vereadores de Tutóia volta aos trabalhos com pedido de instalação da CPI da educação


do blog do Neto Pimentel

Na sessão da câmara dos vereadores de Tutóia, realizada ontem (04), que marcou a volta dos trabalhos na casa, já que na semana passada não houve quórum suficiente para que houvesse sessão, vereadores de oposição apresentam requerimento para instalação da CPI da educação.

Antes, o vereador Zé Orlando apresentou firmamento do bloco de oposição da casa, mostrando que os 6 vereadores (Zé Orlando, Christian Noronha, Elias, Binha, Pedro Agripino e Antonio Chico) permanecem unidos no campo oposicionista. Falou também da atual mesa diretora com Alexandre Baquil (Presidente), Gean Lima (vice) e Enilson Santos (secretário), que no decorrer dos meses muitos acontecimentos irão movimentar a casa. O vereador Binha voltou a reivindicar o posto de cidadão para que alguns serviços de documentos sejam realizados na cidade. Christian falou das sobras dos FUNDEB, Enilson fez algumas reivindicações, como a construção do muro do cemitério do povoado Tutóia Velha e a instalação de cestos de lixo em alguns pontos da cidade.



O vereador Zé Orlando, fez também uma denuncia sobre o abandono da escola do povoado Jardim, mostrada em alguns blogs da cidade, falou também das sobras do FUNDEB e em seguida apresentou o requerimento para instalação da CPI da educação, para que todas as possíveis irregularidades citadas e desconhecidas possam ser esclarecidas.

O requerimento teve de imediato a assinatura do seis vereadores do bloco oposicionista, e inusitadamente os vereadores da base do governo também concordaram com o requerimento, assinando-o, o que causou um certo estranhamento nos presentes, já que a CPI é para investigar uma pasta do governo.

Essa foi só a primeira sessão do ano, com fato incomum e pedido de Comissão Parlamentar de Inquérito, o que de imediato mostra-nos que este será um ano legislativo bastante movimentado.

Vejam o requerimento abaixo:


   

E o concurso público de Tutóia, o gato comeu? Se não acontecer o concurso o Prefeito comete crime de responsabilidade

A justiça determinou que a Prefeitura de Tutóia realizasse concurso público até abril deste ano, já estamos quase em meados de Março, mas até o presente momento nada foi feito, nenhum Edital foi publicado ou outra providência. Está aí se configurando um descumprimento de uma ordem judicial. 

Veja o que diz o DECRETO-LEI Nº 201, DE 27 DE FEVEREIRO DE 1967.

Art. 1º São crimes de responsabilidade dos Prefeitos Municipal, sujeitos ao julgamento do Poder Judiciário, independentemente do pronunciamento da Câmara dos Vereadores:

Inciso: XIV - Negar execução a lei federal, estadual ou municipal, ou deixar de cumprir ordem judicial, sem dar o motivo da recusa ou da impossibilidade, por escrito, à autoridade competente;

Veja matéria publicada no Portal G1 Maranhão.

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Tutoiense nato, professor de Geografia da rede municipal e particular de ensino em Tutóia e Paulino Neves, Licenciado em Geografia pela UESPI e Pós Graduado em Educação Ambiental pelo IESF.