sexta-feira, 20 de outubro de 2017

CULTURA FAMILIAR VERSUS CULTURAS DESVIANTES

Nesta sociedade marcada pela violência e por pseudovalores, os pais precisam disputar os filhos com grupos de “culturas desviantes ou culturas marginais”, que se apresentam oferecendo “trabalho rentável, consumo e curtição” como fuga para as  ansiedade da vida.  

Recentemente, o delegado Miguel Lucena publicou obra sobre uma categoria de pessoas com comportamentos absolutamente desviantes, a que ele denominou de desembestados, que são pessoas que perderam os freios morais: não têm medo do poder divino e não respeitam a lei; não sentem vergonha, menos ainda culpa. Estudiosos da Pedagogia Social, como Caliman(2009), corroboram a compreensão sobre a existência de “culturas desviantes ou marginais” que colaboram para a formação de atitudes com base nas quais se justificam determinados comportamentos irracionais ou desviantes.  

Cultura do poder e da força: “Felicidade é ser forte e poderoso”; cultura da onipotência pessoal: “Cada um por si e Deus por nós todos”; cultura do negativismo: “A vida não tem sentido”; cultura do desempenho ou da indiferença pelos problemas políticos e sociais: “Não estou nem aí...”; cultura do infantilismo e da busca de emotividade como matriz de novas experiências à revelia da racionalidade: “Eu quero é adrenalina, não dá nada”; cultura da fuga e da evasão para esquecer e diminuir a ansiedade: “Feliz é quem sabe curtir e gozar a vida”; cultura da aparência: “O   belo é aquele que aparece, que fascina, que faz notícia”; cultura da esperteza, do silêncio, da cumplicidade que reforça as atitudes  servilistas e de esperteza nas relações: “Gosto de levar  vantagem em tudo”.

Os pais não vêm dando conta da educação para os valores humanos - quando os têm -, e, para não conflitar, delegam cada vez mais a outras instituições a educação dos seus filhos.


Texto: Maria José Rocha é mestre e doutoranda em Educação. Ex-deputada pela Bahia, preside a Casa da Educação Anísio Teixeira em Brasília. Publicado em: http://www.diariodopoder.com.br/artigo.php?i=59521566098

Tutóia: Confira as grandes ofertas deste fim de semana no Armazém Paraíba





quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Ouvidoria do Judiciário do Maranhão realiza Audiência Pública em Tutóia


Participantes em foto ao final do evento 
A Ouvidoria do Poder Judiciário do Maranhão, promoveu na noite desta quinta (19) Audiência Pública em Tutóia, no auditório da Secretaria Municipal de Educação.

Mesa: Advogado Airton Paulo, Juiz de Tutóia Eduardo Girão, Desembargador Ricardo Duailibe e Juíza de Magalhães de Almeida, Muriele Tavares. 

O evento foi presidido pelo Ouvidor Geral do Poder Judiciário do Maranhão, o Desembargador Ricardo Duailibe.

Muitos questionamentos foram feitos por cidadãos e seguimentos sociais organizados, além do vereador Paulo Rogério (único parlamentar presente) e servidores públicos.


O juiz da Comarca de Tutóia, Dr. Eduardo Girão Braga, destacou que há um volume muito grande de processos na comarca única de Tutóia que atende os municípios de Tutóia e Paulino Neves, segundo o magistrado somente este ano “foram distribuídos 2.311 processos o que daria uma média de 8 (oito) processos para serem julgados por dia contando fins de semana e feriados. Isso é um problema”.

Eu, titular do blog, acompanhado por outros solicitamos que a Ouvidoria leve o pedido ao judiciário do Maranhão da implantação de mais uma Vara em Tutóia e também o pedido ao governo do estado para implantação de uma Defensoria Pública.

O advogado Airton Paulo comentou da importância da instalação em Tutóia do PJE-Processo Judicial Eletrônico e o desembargador informou que está na pauta fazer essa implantação na cidade e também da elevação da comarca, com a instalação de mais uma Vara Judicial.

As Polícias Civil e Militar também presentes comentaram do pouco efetivo de policiais (PM) e de agentes investigadores (Civil).


O Tenente Sérgio da Polícia Militar destacou que em relação à venda de bebidas alcoólicas em bares para menores serão fiscalizados e poderão ser encaminhados a Delegacia de Polícia para autuação.

 Tamires do Conselho da Comunidade (foto) fez o pedido de efetivo policial e denunciou a superlotação com presos na Delegacia de Tutóia.



Para o Delegado Rubem Sergio (foto abaixo) muitos problemas como uso de drogas, álcool e menores pilotando motocicletas, além dos muitos casos de estupro de vulneráveis em Tutóia reflete “uma desestrutura familiar”.



Ao final, o desembargador Duailibe avaliou como positiva a audiência pública, afirmando “essa foi a mais longa audiência pública já realizada pela ouvidoria, mas também a mais produtiva pelo nível dos questionamentos. Discutimos mais problemas da sociedade do que do judiciário e isso mostra que o judiciário está fazendo seu papel”, finalizou.

Participaram da audiência o Conselho Tutelar, sindicatos, associações e secretários do governo municipal, além de populares de Tutóia e cidades vizinhas como Paulino Neves. 

Registrou-se ainda a ausência do Ministério Público na reunião.   




Texto: Elivaldo Ramos
Fotos: Paulo Silva 


CRUELDADE: Padrasto MATOU, ESTUPROU e esquartejou criança de cinco anos em Presidente Vargas-MA

Padrasto do menino 

Em uma ação rápida e eficiente, policiais do município de Presidente Vargas elucidaram em menos de 48 horas o caso do desaparecimento de uma criança de cinco anos de idade.

Acionada no início da noite de ontem (18), a polícia foi até a localidade Sapucaial, zona rural de Presidente Vargas para apurar o desaparecimento de Rennason Lima Mendes, de 05 anos. A criança teria sumido no início da manhã de ontem, e somente à noite a polícia foi chamada.


Local onde a Polícia encontrou o corpo

Multidão atônita com o ocorrido 

Depois de rápida conversa com o padrasto da criança desaparecida, policiais o conduziram para a DEPOL de Presidente Vargas onde ele deveria ser ouvido, a princípio como testemunha, já que a mãe do menino estava viajando e ele seria o responsável pelo menor de idade.

Na tarde desta quinta-feira (19), o padrasto, identificado como Flaubete Almeida Araújo, de 25 anos, terminou por confessar ter estuprado e assassinado o garoto Rennason Lima Mendes, e depois enterrado o corpo. Um tio da criança, identificado como Francisco Garcez, 33, também está detido como suspeito de ter participado do assassinato.

Tio do menino 


Com informações do blogdowillianvieira

Poder Judiciário realizará Audiência Pública as 17: h desta quinta-feira 19/10 em Tutóia-MA. Participe!


 Desembargador Ricardo Duailibe com comitiva e chefe do Cartório Eleitoral de Tutóia, Marsol Conceição.  

A Ouvidoria do Poder Judiciário do Maranhão, promove audiência pública em Tutóia, hoje, quinta-feira 19/10, às 17h, no auditório da Secretaria Municipal de Educação, Rua Nazaré, s/n, Centro. O evento será conduzido pelo ouvidor-geral do Poder Judiciário do Maranhão, desembargador Ricardo Duailibe.

Desembarcador Ricardo Duailibe em entrevista ao repórter Victor Almeida da Central de Notícias e Blog Neto Pimentel  

Na audiência – que visa proporcionar a aproximação do Poder Judiciário com a sociedade – os participantes poderão apresentar sugestões que contribuam para o aperfeiçoamento dos serviços judiciais em Tutóia e demais comarcas do polo judicial de Chapadinha –– Araioses, Brejo, Buriti, Chapadinha, Magalhães de Almeida, Santa Quitéria, São Bernardo e Urbano Santos.

As manifestações apresentadas pelos jurisdicionados durante o evento serão encaminhadas aos setores competentes do Judiciário. Os questionamentos serão esclarecidos em tempo hábil e os interessados serão informados sobre os resultados de suas sugestões e reclamações.




Faça o Download do 3º CD de Ribamar Rocha - Lua. A voz da Emoção!




O Cantor Ribamar Rocha de Tutóia-MA, gravou recentemente na AR Studio, seu mais novo trabalho, que é o seu 3º CD, que traz a música inédita Lua (tema do CD) e regravações de musicas que fizeram sucesso como Morena Tutoiense, Recordações e Mandando Mensagem, além dos grandes sucessos nacionais. 

Ribamar Rocha, volume 3, um misto de autorias e músicas que estão nas paradas de sucesso da grande mídia.

Baixe o CD completo no link abaixo:



Lua (Tema do CD)

Lua, lua cheia tão linda
traz de volta aquela menina
aquela que fascina, que me enfeitiçou.

Dos olhos reluzentes
pele cheirosa como de uma rosa
sinto seu perfume que me deixa louco
a mulher perfeita, linda e carinhosa.

Motivo das minhas emoções
a mais bela das minhas paixões 
o fruto das minhas inspirações.

Vai Lua...
traz o por do sol bem radiante
e junto com o raio mais brilhante
a menina envolvente que me enfeitiçou.

Vai Lua...
por não posso mais viver sozinho
Lua linda traz ela de volta
ilumina esse amor que não pode morrer.


Letra: Neto Pimentel
Música: Ribamar Rocha

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
Tutoiense nato, professor de Geografia da rede municipal e particular de ensino em Tutóia e Paulino Neves, Licenciado em Geografia pela UESPI e Pós Graduado em Educação Ambiental pelo IESF, Pós Graduado em Gestão Pública Municipal, UEMA, 2016. Este blog é um blog de reportagens de acontecimentos e também de publicação de imagens (fotos). Sou um apaixonado por fotos. Nascido em 1980. Fui presidente de Associação de Moradores do povoado Bezerro (Tutóia-MA). Atualmente estou presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Tutóia, Paulino Neves e Santana do MA. Milito em ações sociais nesses municípios.